MATERNIDADE SAUDÁVEL

O tema do 1º Encontro WM I OuiOui, que aconteceu no dia 19 de Junho no Hotel As Américas, em Aveiro, foi Mães Saudáveis.

Isto significa que conversámos bastante sobre o que significa adoptar um estilo de maternidade «saudável».

Dividimos o Encontro em 3 Fases – a primeira, composta por um pequeno exercício de partilha, num «step out of our comfort zone» onde revelámos algumas experiências pessoais menos positivas com o objectivo de criar empatia; a segunda, onde resumi os princípios básicos da Maternidade Saudável; a terceira, liderada pela Chef Teresa Cunha, que nos mostrou algumas receitas saudáveis, num lanche equilibrado e delicioso.

É no seguimento desse Encontro que venho, hoje,compartilhar convosco, de forma resumida, algumas das estratégias a adoptar para um estilo de maternidade mais descontraída, mais activa, logo, mais «saudável».

De um ponto de vista mental:

1. Toma consciência de que:

  • És uma EXCELENTE mãe.
  • Podes não ser perfeita, mas esforças-te todos os dias para estar presente na vida dos teus filhos.
  • Não há, na verdade, mães perfeitas nem filhos perfeitos – há seres humanos, com virtudes e defeitos.

2. Não sejas obcecada. Descomplica.

  • Resolve os problemas do dia-a-dia com naturalidade.
  • Aceita que nem tudo são rosas e que os teus filhos terão de fazer o seu próprio caminho, caindo, por vezes, para depois se levantarem e progredirem.
  • Mães obcecadas sufocam os filhos, não lhes dão espaço para mostrarem quem verdadeiramente são, do que são capazes.

3. Mantém-te informada, mas consciente de que nem todos os conselhos que lês ou recebes, se aplicam aos teus filhos.

  • Deves sempre preferir a ajuda de uma pessoa de referência (um pediatra, a tua mãe) a dicas que lês na blogosfera ou em sites sem fundamento científico. (Sim, o nosso WM incluído!)

4. Não tomes decisões complexas sem antes «dormir» sobre o assunto. Não castigues «a quente», tenta não tirar conclusões de forma precipitada.

5. Respeita a individualidade dos teus filhos. Eles não te pertencem… Vão seguir o seu próprio caminho em breve. Dá-lhes espaço para crescer com opiniões, expressar as suas emoções, fazer as suas escolhas . Guia-os mas não os prendas a ti. Talvez o teu «mundo» seja demasiado pequeno para o seu Universo.

6. Não temas emoções negativas. Chora. Chorem juntos.

Ser uma mãe saudável é ser uma mãe normal, que não se força a ser uma pessoa que não é. Que segue os seus instintos. Que se esganiça e se arrepende. Que enche os filhos de beijos. Que, embora faltando a uma ou outra reunião de pais, está sempre presente. Uma mãe que chora e que ri muito. Que envergonha os filhos com excesso de mimos à porta da escola. E que se esquece de muitas coisas, mas que tem memória de elefante quando lhe convém.

… ou seja, uma mãe saudável é uma mãe como tu! És tu, na verdade. 🙂

Já no que toca ao corpo… vejamos:

  • Mantém um estilo de vida activo. 60% das crianças em Portugal têm excesso de peso. Por isso, sai do sofá. Larga o comando da TV, tira a PlayStation das mãos do teu filho e sai com ele para a rua.
  • Pratica uma cultura de vida saudável. Como? Alguns exemplos:
  1. Cozinha como a tua mãe ou como a tua avó. Uma dieta ao bom estilo mediterrânico, por exemplo. Lembras-te de quando os refrigerantes eram bebidos só aos fins-de-semana?…
  2. Embora no dia-a-dia o nosso conselho seja que pratiques uma alimentação o mais saudável possível, não somos fundamentalistas. Por exemplo… Não há mal nenhum em ir ao McDonalds uma vez por mês. Ou duas. Desde que isso seja uma excepção e não a regra.
  3. Brinca muito. Ri ainda mais. Dança na sala.
  4. Segue o Blogue Workin Mommin. Todas as semanas partilhamos receitas SSS… Simples, Saudáveis e Saborosas. 🙂

Mas acima de tudo, ser uma Mãe Saudável é respeitar a hierarquia de interesses das crianças. Tão simples…

1º FAMÍLIA….

2º AMIGOS

3º BRINCAR
SouUmaMaeSaudavelPorque..

Liliana Cachim

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *